Conecte-se conosco

ESPORTE

Jauzão tem jogo às 11h desta quarta-feira: Londrina x Botafogo de Ribeirão

Foto: Divulgação / Paulo César Grange

A Federação Paulista de Futebol marcou para as 11h desta quarta-feira o jogo Londrina x Botafogo-SP pelas oitavas de final da Copa São Paulo de Futebol Júnior.

O palco será o Estádio Zezinho Magalhães que sedia o nono jogo em 13 dias. Desta vez, o canal SporTV transmite ao vivo. A rádio Piratininga de Jaú também terá transmissão ao vivo.

Será a primeira partida da quarta fase – as demais serão ao longo do dia, culminando com Mirassol x Corinthians às 21h45.

A FPF está aprovando a sede Jaú, que pela primeira vez é recebe a principal competição do país de juniores. O XV sediou o grupo 5, mas não passou de fase. Mesmo assim, o Jauzão já recebeu os jogos Vitória x Paraná e Londrina x Ponte Preta. Agora, o Londrina permanece em Jaú e recebe o Botafogo-SP, que estava na sede de Bauru.

Nesta quarta, o Londrina-PR enfrentará o Botafogo graças à vitória por 1 a 0 sobre a Ponte Preta na segunda-feira (13). O gol da vitória saiu aos 40 minutos do segundo tempo, com Zé Pedro, de cabeça. No mesmo dia, o Botafogo de Ribeirão venceu o Atlético-GO nos pênaltis, por 3 a 0, após empatar por 1 a 1 no tempo normal.

Antes, o Tricolor eliminou o Botafogo-RJ por 2 a 0. Na primeira fase, a equipe dirigida por Fernando Braghin venceu o Assisense por 3 a 0 e o Dimensão Saúde por 2 a 0, além de ter empatado com o próprio Atlético-GO por 0 a 0.

O Londrina tem quatro vitórias e uma derrota na competição. Na primeira fase, venceu a Ponte Preta e o São José por 1 a 0 e por 4 a 1, respectivamente. O time também perdeu para o Osvaldo Cruz por 3 a 2. Na sequência ganhou do Timon por 2 a 1 e agora da Ponte Preta por 1 a 0.

Continue lendo
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ESPORTE

XV de Jaú vende camisa comemorativa pelo título do acesso em 1976

Há 44 anos o XV de Jaú teve o maior ano de sua história. Fez campanha memorável e conquistou o título da Divisão de Acesso, subindo para a principal divisão do Campeonato Paulista. Aquele ano foi marcante, com recorde de público no Jauzão, com caravana gigante de torcedores nos jogos fora de casa até culminar com a conquista ao vencer o Aliança por 2 a 0 em Campinas no dia 11 de dezembro de 1976. Para celebrar aquele feito, a diretoria do XV de Jaú criou uma camisa comemorativa, que já pode ser encomendada.

As compras podem ser feitas via on-line, com acesso pela página do clube no Facebook (https://www.facebook.com/E.C.XVDEJAU) ou pelo site (www.xvdejau.com). Ou ainda encomendar direto na Loja do XV. São duas cores à disposição: verde e amarela. O valor é RR 150,00, podendo ser pago em dez parcelas no cartão de crédito. As camisas variam do tamanho 10 ao 16 e do PP ao EXG. Também tem o modelo feminino, no estilo baby look em todos os tamanhos.

O vice-presidente do XV, Careca Paiva, diz que por se tratar de uma camisa comemorativa o número é limitado: 200 unidades. Ele ressalta que não se trata de uma réplica da conquista de 1976. “Criamos um modelo moderno, com a alusão ao ano de 1976, e material de ótima qualidade. “Escolhemos homenagear essa conquista porque em 1976 o XV subiu com a conquista do título. Foi um dos maiores times já montados pelo clube em sua história.”

Coquetel de entrega – Careca Paiva diz que o torcedor pode fazer a encomenda antecipada, com a retirada prevista para os dias 24 ou 25 de julho – está previsto um coquetel para homenagear a conquista e nesse evento os torcedores receberão suas camisas. O prazo para reserva é até 15 de julho no link abaixo.
A camisa é uma releitura do modelo usado na campanha do acesso de 1976. Trata-se de um modelo clean, clássico que inspira nossa paixão e orgulho. Em elastano, a camisa vem com o melhor na tecnologia esportiva em relação a conforto e qualidade, escudos e patchs exclusivos garantem personalidade à peça.

 

RESERVE A SUA
– As reservas serão feitas até o dia 15 de julho de 2020.
– Todos os dados devem ser preenchidos corretamente.
– Entrega prevista para 24 ou 25 de julho em evento no XV
– A entrega será garantida mediante confirmação do pagamento
– Valor unitário R$ 150,00 em até 10X
– PARA PAGAMENTO, ACESSE O LINK NA DESCRIÇÃO
LINK DE ACESSO: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfWzX93jZDCPul5bQcY2nESTSDl–AF2MbaIehN7oR4nTp0WQ/viewform?fbclid=IwAR0-TlFh5jBJJAAJ2Cm-T6M32mVIrLgJijImirJNl55n977nOUwpVi3zxBY

Relembre o feito do Galo
O Campeonato Paulista de Futebol de 1976 – Primeira Divisão foi a 30ª edição do torneio promovida pela Federação Paulista de Futebol, e equivaleu ao segundo nível do futebol no estado de São Paulo. A equipe do XV de Jaú conquistou seu segundo título da Divisão de Acesso – o primeiro ocorreu em 1951. O XV também chegou a subir para a elite em 1995, como vice-campeão da Série A-2.
O ano de 1976 foi quando voltou a valer a lei do acesso, suspensa desde 1972 pela Federação. Isso atraiu grande número de equipes, entre elas o XV de Jaú, que tinha passado alguns anos no amadorismo e vinha empolgado com a construção do Estádio Zezinho Magalhães.
Na primeira fase foi disputada pelo sistema de turno e returno, com as equipes divididas em três séries. O campeão de cada turno para a para a segunda fase. Nela, os times jogaram em turno único, sendo campeã a quem somasse o maior número de pontos. O XV fez três jogos e venceu todos, marcando cinco gols e não sofrendo nenhum. Na final, em Campinas, venceu o Aliança por 2 a 0.

Veja os jogos do quadrangular final:
04/12/1976: XV de Jaú 1 x 0 Barretos
04/12/1976: Aliança 1 x 1 Santo André
08/12/1976: XV de Jaú 2 x 0 Santo André
08/12/1976: Barretos 2 x 4 Aliança
11/12/1976: Santo André 2 x 0 Barretos
11/12/1976: XV de Jaú 2 x 0 Aliança

Ficha técnica:
XV de Jaú: Emir, Nenê, Marco Antonio, Araujo, Claudio; Daniel, Pedrinho, João Carlos, Paulinho (Navarro). Valdomiro (Niltinho) e Darci
Aliança: Carioca, Zé Roberto. Osmar (Passarinho), Antonio Carlos, Tuta. Julio Amaral, China, Ademir (Mica), Baitaca. Peru e Moacir
Gols de Valdomiro e Pedrinho

Continue lendo

ESPORTE

XV de Jaú arrecada cobertores e agasalhos para doação

Frentes frias vão e voltam, por isso é preciso que a sociedade esteja preparara para atender às famílias carentes. O XV de Jaú não poderia ficar de fora dessa corrente de solidariedade e coloca em prática a campanha Galo Solidário, para arrecadar cobertores e agasalhos. “O calor da torcida aquece quem precisa”, diz o lema da campanha.

A diretoria do XV, presidida por João Vital Neto, diz que o Galo da Comarca se solidariza aos que necessitam de apoio, pois “juntos somos mais fortes”. “O jauense e o torcedor quinzeano sempre atendem aos chamados e, neste ano, mais ainda. O sentimento de solidariedade está cada vez mais forte”.

Para fazer a doação basta levar seu cobertor ou agasalho à Loja do XV, localizada no Estádio Zezinho Magalhães. O recebimento é das 10h às 16h, de segunda a sexta-feira. O clube pede que as peças doadas sejam lavadas e empacotadas por medida de segurança contra o coronavírus.

A coleta vai ocorrer até o dia 3 de julho, quando o material será encaminhado a entidades assistenciais e órgãos de assistência da cidade. Informações: (14) 4103-1515.

Continue lendo

ESPORTE

Com XV, 36 equipes disputarão a Segunda Divisão do Paulista

XV jogará o Paulista da Segunda Divisão (Foto: Divulgação/XV de Jaú)

O Campeonato Paulista da Segunda Divisão terá a participação de 36 equipes, entre elas o XV de Jaú, que teve sua participação ameaçada por divergências internas.

O torneio terá início em 12 de abril, com as equipes divididas em 4 grupos com 9 agremiações cada. Os quatro primeiros de cada grupo avançarão para a segunda fase, onde terá início o mata-mata da competição, com o time classificado com melhor campanha enfrentando o pior e assim sucessivamente. Apenas os dois finalistas conquistarão o acesso para a série A3.

Durante o Conselho Arbitral as equipes aprovaram, por 23 a 12, a criação de uma nova divisão no Futebol Paulista, a B2. Os 16 times classificados para a segunda fase formarão a B1, enquanto os 20 eliminados na primeira fase serão ‘rebaixados’ para a B2. Os dois rebaixados da A3 também irão para a B1.

Continue lendo

Facebook

Matérias recentes

Mais lidas

Folha Um - Todos os direitos reservados.